O Blog do Madridista se mudou para:

www.blog.renatobotelho.com


Aguardo a sua visita!

© 2009-2011 Blog do Madridista

11 madridistas convocados.

Manuel Pellegrini terá 11 ausências nos treinos desta semana. São os jogadores que foram convocados e defenderão os seus respectivos países ao redor do mundo. Serão importantes jogos pelas Eliminatórias da Copa de 2010. Hoje o Real Madrid descansa e volta ao treinos amanhã, sem os internacionais.

A Espanha pode se classificar para a Copa do Mundo esta semana.

Casillas, Arbeloa, Albiol e Xabi viajarão com a Espanha para os jogos nos dias 5 e 9, aonde enfrentarão a Bélgica e a Estonia, em duas partidas que podem carimbar definitivamente o passaporte da fúria para a Copa do Mundo.

Uma viagem maior farão Kaká e Gago. Ambos se enfrentarão no dia 5, aonde a Argentina necessita da vitória. E no dia 9, o Brasil enfrenta o Chile e a seleção de Maradona enfrenta o Paraguai.

Lass e Benzema estarão concentrados com a França, aonde receberão no dia 5 a Romênia e no dia 9 a Sérvia.

Pepe e Cristiano estarão com Portugal. Os lusos estão numa situação complicada e precisam dos 6 pontos. Dia 5 contra a Dinamarca e dia 9 contra a Hungria. Parada dura para os portugueses.

E por último, Van der Vaart. O holandês se concentrará com a seleção holandesa e jogará uma partida amistosa contra o Japão no dia 5. No dia 9, uma partida sem muitos desafios contra a Escócia pelas Eliminatórias, afinal, a Holanda já está classificada para o Mundial.

E detalhe: Vaart acabou de confirmar que continuará no Real Madrid. Após as saídas de Robben, Sneijder e Huntelaar, Vaart pediu para ficar e foi atendido. Aproveitem para votar na enquete mais abaixo no blog, sobre qual holandês fará falta no Real.

Raúl, rumo ao próximo recorde.

Os anos passam, mas Raúl segue firme e forte. O capitão madridista iniciou no sábado a sua 16° temporada, marcando o primeiro gol do Real Madrid na La Liga e sofrendo um pênalti convertido por Cristiano. Jogou demais, ao ponto de ser aplaudido de pé pela torcida merengue ao ser substituído no segundo tempo.

O que Raúl mais sabe fazer é bater recordes. Desde a sua estreia no Real Madrid com os seus 17 anos, até hoje, com 32, Raúl bateu praticamente todos os recordes possíveis e imagináveis. A maioria podendo parecer impossível de acontecer na época. Mas para El '7' blanco, nada é impossível.

Rumo ao próximo recorde: Superar os 251 gols de Zarra, o maior artilheiro da história da La Liga. Com o gol de sábado, Raúl acumula 224. Ainda está atrás de César (226), Di Stéfano (227) e Hugo Sanchéz (234). Mas estes, Raúl certamente desbancará.

A concorrência no time é grande, mas Raúl segue buscando o seu espaço, se adapta aos novos times, mostra o seu valor. Jogador respeitado, profissional exemplar, pessoa humilde e reservada. E assim, os 27 gols que faltam, estão em contagem regressiva.

Todo ano Raúl responde as críticas dentro de campo. As críticas são, na verdade, uma forma de tentar parar o batedor de recordes. Muitos que não torcem para o Real Madrid não gostam de ver um jogador com tanta identificação com a torcida, com tantos recordes sendo quebrados, por isso, apelam para as críticas. Inveja pura.

Mas esquecem que Raúl não se importa com isso, pois como disse Hierro há muitos anos atrás: "Raúl será uma Ferrari que passará por todos e baterá todos os recordes." Dito e feito. Podem continuar criticando, a máquina não vai parar. Raúl soma e segue...

Atualização e contagem regressiva:

- Faltam 25 gols (marcou 2 contra o Valladolid no dia 17/10/09). Igualou César.
- Faltam 24 gols (marcou 1 contra o Tenerife no dia 27/02/10). Superou César; Igualou Di Stéfano.
- Faltam 23 gols (marcou 1 contra o Zaragoza no dia 24/04/10). Superou Di Stéfano.

A imprensa comenta a estreia do Real Madrid.

A estreia do Real Madrid na La Liga foi destaque nos principais jornais de domingo. A vitória por 3 a 2, o estilo de jogo, a partida de Raúl, Lass e Kaká, bem como o jamaicano Bolt, foram alguns dos destaques do dia na imprensa. Confira alguns quotes:

Raúl comemorando o primeiro gol do Real Madrid na La Liga 2009/10.

AS:

"Raúl segue sendo o rei."

"O Bernabéu se divertiu com rajadas de grande jogo do novo Real Madrid."

Kaká: "Foi incrível jogar aqui. Quero dedicar a vitória a torcida."

Sobre o fato de Bolt ter comparecido: "O relâmpago iluminou o Bernabéu." Que completou dizendo que podem vir mais recordes em breve.

Marca:

"Raúl foi outra vez o melhor. E o golaço de um enorme Lass sentenciou um sério Deportivo."

Pellegrini: "Dominamos e criamos temor em cada jogada."

El País:

"Xabi e Lass são a ordem."

El Mundo:

Destaque para Raúl, que jogou muito: "Eles mudam, mas ele não muda." Ainda: "Abriu o marcador e forçou um pênalti."

La Razón:

"O espetacular Real Madrid começa a Liga com uma vitória por 3 a 2 contra o Deportivo."

E destaca: "Os flashes de Kaká, a vontade de superação de Cristiano e o oportunismo de Raúl foram chaves."

Real Madrid 3-2 Deportivo La Coruña.

O Real Madrid estreou com o pé direito na La Liga 2009/10, no primeiro jogo da equipe merengue na temporada. 3 a 2 em cima do Deportivo La Coruña, no Santiago Bernabéu. Um belo jogo.

A festa inicial, no entanto, foi do jamaicano Usain Bolt, a grande estrela do Mundial de Atletismo de Berlim, que aceitou o convite do Real Madrid para assistir ao primeiro jogo do clube na temporada e ainda deu o pontapé inicial da partida.

Bolt sendo aplaudido pelos torcedores madridistas.

Manuel Pellegrini escalou o time assim: Casillas; Arbeloa, Albiol, Garay, Marcelo, Lass, Xabi, Kaká, Cristiano, Raúl e Benzema.

No primeiro tempo, as duas equipes partiram para cima. E aos poucos o Real Madrid foi conhecendo o adversário e arriscando mais. Cristiano teve uma chance de falta, logo no início, mas a bola foi para fora. O português está louco para marcar um gol de falta com a camisa blanca.

Até os 20min, a partida ficou truncada num trecho do campo. Até que Raúl e Benzema fizeram uma boa tabela e, no lance seguinte, Kaká arriscou de fora da área, para fora. O Deportivo, entretanto, logo respondeu com um ataque, mas Casillas estava atento.

Aos 25min, corrida de Kaká e passe genial para Benzema. O francês recebeu e chutou na trave. No rebote, Raúl empurrou para as redes. 1 a 0. O capitão madridista marcou o primeiro gol do Real Madrid na La Liga 2009/10.

Os madridistas comemoram mais um gol na vitória por 3 a 2.

Aos 30min, o Deportivo teve um cruzamento na área e empatou o jogo de cabeça. 1 a 1. Mas o Real Madrid voltou a reagir. Aos 34min, pênalti claro em cima de Raúl, após passe de Lass. Cristiano cobrou com perfeição e comemorou bastante. 2 a 1.

No minuto seguinte, Cristiano caiu pela esquerda, cruzou e quase mais um gol de Raúl. Boa jogada do português.

Aos 41min, Kaká arrancou e arriscou de fora da área. A bola passou perto da trave. Cristiano ainda teve mais uma chance de falta no lance seguinte, mas a bola subiu muito.

Aos 45min, passe genial de Raúl para Benzema. O francês recebeu e bateu para fora. Foi o último lance do primeiro tempo, que arrancou aplausos da torcida merengue.

No segundo tempo, o Deportivo começou atacando e no primeiro minuto empatou o jogo em um chute cruzado de fora da área. 2 a 2.

Aos 51min, Cristiano dominou e arriscou de fora da área. A bola passou bem perto da trave.

Aos 56min, o Deportivo perdeu um gol incrível dentro da área. Valerón quase fez outro. Mas quem não faz, toma. Lass, dominou, limpou e chutou de fora da área. Golaço do novo camisa 10 do Real Madrid. 3 a 2.

Aos 60min, um lance espetacular entre Raúl, Benzema e Xabi. A bola bateu no travessão. Em seguida, Raúl saiu aplaudido de pé para a entrada de Granero. Partida maravilhosa do capitão.

Após a entrada de Granero, o Real Madrid tocou bola por todo o campo até os 66min, quando Kaká arriscou mais uma de fora da área. A bola passou perto. Em seguida, lance bonito de Cristiano, que resultou em escanteio.

Benzema estava vestindo a camisa 11, que era de Robben.

Aos 72min, Higuaín entrou no lugar de Benzema. Aos 81min, Guti entrou no lugar de Kaká. A partida ficou bastante tempo parada e truncada desde a entrada de Higuaín. Ambos os times se cansaram na reta final.

Aos 88min, tabela entre Guti e Cristiano. O português chutou de fora da área. A bola foi para fora. Em seguida, Higuaín teve uma chance na área, mas caiu de maduro. O juíz mandou seguir.

Nos acréscimos, Guti tentou o dele de fora da área, mas a bola subiu muito. O Deportivo tentou chegar ao empate, mas o Real Madrid conseguiu administrar o resultado final da partida, conquistando os seus primeiros 3 pontos no campeonato espanhol e convencendo, o que é importante. A torcida aplaudiu a estreia do Real Madrid.

Sneijder e Robben: A despedida dos holandeses.

------------------------------
Wesley Sneijder
Real Madrid, 2007-2009.

Jogos: 52.
Gols: 11.



------------------------------
Arjen Robben
Real Madrid, 2007-2009.

Jogos: 36.
Gols: 9.



Dois craques de bola que deixam o Real Madrid. O tempo foi curto, mas deixaram marcas no clube. Praticamente todos queriam que eles tivessem continuado no time, mas a vida é assim, o ciclo continua. Obrigado Sneijder e Robben, mesmo sofrendo tantas lesões e ficando de fora de tantas partidas, jogaram muito quando tiveram condições físicas e oportunidade. Boa sorte para ambos na Inter e no Bayern.

Leia também a coluna: Enquanto isso, Robben e Sneijder...

Preparação para o início da La Liga.

Começa a La Liga 2009/10 no Santiago Bernabéu. O La Coruña será o primeiro adversário dos blancos na temporada. O técnico Manuel Pellegrini comandou um treino e fez a sua primeira relação de jogadores madridistas no torneio. Sérgio Ramos, por lesão e Pepe, por suspensão, ficam de fora. Já Nistelrooy e Diarra ficam de fora por não terem jogado a pré-temporada, mas já treinam normalmente.

O Real Madrid se prepara para o início da La Liga.

Confira os relacionados para o jogo: Casillas, Dudek; Marcelo, Albiol, Metzelder, Garay, Arbeloa; Gago, Lass, Guti, Drenthe, Granero, Xabi, Kaká; Cristiano, Higuaín, Raúl e Benzema. A equipe ficará concentrada hoje no estádio Santiago Bernabéu e voltará aos treinamentos na terça-feira, 1° de setembro, em Valdebebas.

UEFA Champions League 2009/2010: Tabela.

Confira alguns detalhes da Champions e a Tabela mais abaixo:
  • Sorteio dos Grupos: Veja as chaves aqui.
  • Os rivais do Real Madrid: Leia mais aqui.
  • Início da Fase de Grupos: 15 de Setembro.
  • Grande Final da Champions: 22 de Maio.
  • Palco da Final: Estádio Santiago Bernabéu.
  • Logotipo da Final da Champions: Veja aqui.
  • Bola da Final da Champions: Veja aqui.
  • Sorteio dos confrontos das oitavas: Veja aqui.
  • Fotos da Final da Champions no Bernabéu: Veja aqui.
Fase de Grupos:
(Clique na partida para ler a postagem referente ao jogo)
Classificação final do Grupo C da Champions.

Oitavas de final:
O Real Madrid foi eliminado nas oitavas de final da competição pelo Olympique Lyonnais (Lyon), pelo placar agregado de 2 a 1 para os franceses. Clique nas partidas e comente.

Postagem especial: O fantasma que assombra o Real Madrid.

* Veja também o marcador: UEFA Champions League.

Os rivais do Real Madrid na Champions League.

Após o sorteio da fase de grupos, o Real Madrid já sabe quais são os seus rivais na Champions 2009/2010. O clube merengue, que caiu no grupo C, já enfrentou os três clubes ao longo de sua história.

Falar sobre um confronto entre Real Madrid e AC Milan, é colocar em choque os dois maiores clubes da europa. Juntos, são 16 Liga dos Campeões, 9 para o Real e 7 para o Milan. E será um momento muito especial para o madridista Kaká, que enfrentará o seu ex-clube pela primeira vez, aonde se tornou o ''Príncipe de Milão''. Já com a camisa rossonera, estarão os ex-madridistas Seedorf e Huntelaar.

Já o Olympique de Marseille, possui todo um histórico no futebol francês. É dirigido atualmente por Didier Deschamps e terminou a temporada passada da Liga 1 (Liga Francesa) em 2° lugar. E com ex-madridistas como Fernando Morientes e Gabriel Heinze, tentarão conquistar um título que resiste desde 1992. E graças a boa temporada passada, os franceses se classificaram diretamente para a UCL, sendo a 3° temporada consecutiva que disputam o torneio.

E o terceiro rival, o FC Zürich, teve os seus melhores anos nas décadas de 60 e 70, sendo habitual nas competições européias. Já em 1964, jogou pela primeira e única vez contra o Real Madrid, na semifinal da Liga dos Campeões, num encontro que terminou com a vitória dos blancos. Já na temporada passada, o Zürich se sagrou campeão da Super Liga Suíça, após vencer o seu eterno rival Grassoers por 2 a 0 na última jornada.

UEFA Champions League 2009/2010: Grupos.

Foi sorteado hoje, em Mônaco, os grupos da UEFA Champions League 2009/2010 que começa no dia 15 de Setembro. O Real Madrid, que este ano caiu para o pote 2, pelas atuações na UCL nos últimos 5 anos, caiu no grupo C e terá como adversários: AC Milan, O. de Marseille e Zürich.

8 dos times classificados à fase de grupos são estreantes nesta etapa da Champions. São eles: Wolfsburg (campeão alemão), Rubin Kazan (campeão russo), AZ Alkmaar (campeão holandês), Standard de Liège (campeão belga), Unirea Urziceni (campeão romeno), além de Debreceni, Zürich e Apöel. Confira os Grupos:

Grupo A:
Bayern de Munique
Juventus
Bordeaux
Maccabi Haifa

Grupo B:
Manchester United
CSKA
Besiktas
Wolfsburg

Grupo C:
AC Milan
Real Madrid
O. de Marseille
Zürich

Grupo D:
Chelsea
Porto
Atl. Madrid
Apöel

Grupo E:
Liverpool
Lyon
Fiorentina
Debreceni

Grupo F:
Barcelona
Internazionale
Dinamo de Kiev
Rubin Kazan

Grupo G:
Sevilla
Rangers
Stuttgart
Unirea Urziceni

Grupo H:
Arsenal
AZ Alkmaar
Olympiakos
Standard de Liège

Os Hinos Oficiais do Real Madrid.

Hino do Real Madrid:

De las glorias deportivas
que campean por España
va el Madrid con su bandera
limpia y blanca que no empaña

Club castizo y generoso,
todo nervio y corazón,
veteranos y noveles,
veteranos y noveles,
miran siempre tus laureles
con respeto y emoción

¡Hala Madrid!, ¡Hala Madrid!
Noble y bélico adalid,
caballero del honor.
¡Hala Madrid!, ¡Hala Madrid!
A triunfar en buena lid,
defendiendo tu color

¡Hala Madrid!, Hala Madrid!, Hala Madrid!
Enemigo en la contienda,
cuando pierde da la mano
sin envidias ni rencores,
como bueno y fiel hermano

Los domingos por la tarde,
caminando a Chamartín,
las mocitas madrileñas,
las mocitas madrileñas
van alegres y risueñas
porque hoy juega su Madrid

¡Hala Madrid!, ¡Hala Madrid!
Noble y bélico adalid,
caballero del honor.
¡Hala Madrid!, ¡Hala Madrid!
A triunfar en buena lid,
defendiendo tu color
¡Hala Madrid!, ¡Hala Madrid!, ¡Hala Madrid!


O Hino do Real Madrid é cantado por José de Aguilar.

Hino do Centenário do Real Madrid:

Hala Madrid!
Hala Madrid!
Campo de estrellas
Donde crecí
Hala Madrid!
Juegas en verso
Que sepa el universo
Cómo juega en Madrid
Sale el Madrid a luchar
Sale el Madrid a ganar
Hala Madrid!
Hala Madrid!


O Hino do Centenário é composto por José María Cano e interpretado pelo tenor Plácido Domingo. Reflete perfeitamente o espírito da equipe. E é de arrepiar!

Próxima etapa: La Liga.

A Pré-Temporada terminou com a conquista do 20° Troféu Bernabéu. Agora os blancos estão com a cabeça no início da La Liga. E para chegar no sábado com as melhores condições possíveis, o técnico Manuel Pellegrini preparou um treino suave, aonde apenas Sérgio Ramos e Metzelder se ausentaram, por lesão, mas treinam no ginásio. Confira algumas fotos do treino de hoje em Valdebebas:

O primeiro adversário será o Deportivo La Coruña, em casa, dia 29.

Real Madrid 4-0 Rosenborg.

Hoje foi o último jogo amistoso do Real Madrid na pré-temporada, contra o Rosenborg, clube na Noruega, valendo o Troféu Bernabéu. A novidade foi a volta de Nistelrooy e Diarra, que estavam se recuperando de grave lesão no joelho.

Por outro lado, Pellegrini abriu mão de Sneijder e Van der Vaart, que estão cada vez mais pertos de deixar o clube. Já Metzelder, Torres e Sérgio Ramos não foram relacionados por conta de lesão.

Mas a festa inicial e marcante foi a volta de Míchel Salgado ao estádio Santiago Bernabéu, para se despedir de sua torcida. El '2' Madridista, como ficou conhecido, entrou em campo para dar o último adeus aos torcedores que o acompanharam em 10 anos de Real Madrid. Foi um momento muito emocionante. O eterno madridista chegou a se emocionar com o carinho de todos.

Leia a postagem de despedida de Salgado aqui.

Pellegrini escalou o time assim: Casillas; Arbeloa, Albiol, Garay, Marcelo, Xabi, Lass, Cristiano, Kaká, Raúl e Benzema.

O jogo começou tranquilo. A torcida vibrou logo quando Kaká tocou na bola e quando Cristiano deu o seu primeiro drible. E o gol veio logo, aos 11min Benzema abriu o placar. A partida permaneceu tranquila até os 20min, com a torcida cantando e vibrando, até que o Rosenborg teve uma ótima oportunidade, mas a bola foi para fora.

Aos 25min, Lass em jogada individual, cortou o adversário e chutou de fora da área, marcando um golaço. E no minuto seguinte, Benzema novamente, pedalou e marcou o terceiro gol do Real Madrid. Já nos 30min, Arbeloa mandou uma bola na trave, após lance com Kaká. E o Real Madrid dominou o Rosenborg, com bons passes e jogadas até o fim do primeiro tempo.

No segundo tempo, entraram Pepe e Granero logo no início. A partida ficou mais devagar, até mesmo pelo placar. Mas logo aos 55min, Granero cobrou escanteio e Raúl marcou de cabeça. Mais um gol da capitão madridista na pré-temporada. Como sempre e mais uma vez calando a boca dos críticos.

Aos 57min, Cristiano cobrou uma boa falta e o goleiro defendeu. No mesmo minuto, saíram Benzema e Raúl para a entrada de Higuain e Robben. Minutos depois, com o jogo mais morno, Guti entrou no lugar de Cristiano. Aos 69min, Kaká tentou de fora da área, mas a bola foi para fora.

Drenthe, em seguida, entrou no lugar de Marcelo, com moral. E finalmente a dupla Diarra e Nistelrooy voltaram aos gramados após muito tempo afastados. Saíram Lass e Kaká. A entrada de Ruud causou êxtase na torcida. E o Real Madrid, com o time totalmente diferente, apenas administrou o resultado fácil e divertido na conquista do 20° Troféu Bernabéu.



E a pré-temporada chegou ao fim. Agora é para valer, a temporada começa no dia 29 (sábado), em casa, contra o Deportivo La Coruña, na primeira rodada da La Liga.

Cristiano Ronaldo e Kaká: Amizade Real.

A dupla mais cara do mundo deu entrevista em português para a Televisión Española, aonde fizeram questão de dizer que não há rivalidade no time, que são amigos, que querem conquistar tudo e que não há ciúmes no vestiário.

A matéria ficou muito bem editada, com lances de ambos os craques. A entrevista em sí foi informal, deram risadas, brincaram um com o outro, tiraram sarro... Ou seja, um belo entrosamento que se espera dentro e fora de campo; confira:

Troféu Santiago Bernabéu.

O troféu de pré-temporada organizado pelo Real Madrid homenageia o ex-jogador e ex-presidente que dá nome ao estádio do clube, o lendário Santiago Bernabéu Yeste.

Até 1986, era disputado por quatro equipes. Desde então, o troféu é decidido em partida única, com exceção de 2002, quando foi comemorado o centenário do clube merengue.

Na edição de 2008, o Real Madrid venceu o Sporting de Portugal por 5 a 3, conquistando assim o quarto título consecutivo.

Troféu Bernabéu na edição de 2008, contra o Sporting.

Em 2009, o Real Madrid enfrentaria o Milan, mas por motivos de calendário, o adversário mudou para o Rosenborg, clube da Noruega. A partida aconteceu no dia 24 de agosto, último jogo da equipe madridista na pré-temporada. O Real Madrid venceu fácil, 4 a 0, conquistando o 20° Troféu. Leia a postagem da partida aqui.

Os maiores campeões são: Real Madrid (20 títulos), Bayern de Munique (3 títulos), Milan (2 títulos) e Internazionale (2 títulos).

O 7° Título do Real Madrid na Champions League.

La Séptima: O título conquistado na UEFA Champions League 1997/1998. Após 32 anos sem conquistar a Liga dos Campeões, o Real Madrid, numa partida muito emocionante contra a Juventus da Itália, se sagrou campeão da europa pela sétima vez. O placar foi magro, 1 a 0, mas foi mais um dos feitos históricos do clube.

Predrag Mijatović foi o herói da partida, ao marcar o gol da vitória no Amsterdam Arena. Mas a equipe foi guerreira, lutou os 90 minutos. A escalação da partida foi esta daqui: Illgner; Panucci, Hierro, Sanchis, Roberto Carlos; Karembeu, Seedorf, Redondo, Raúl (Amavisca m.47); Morientes (Jaime m.84) e Mijatović (Suker m.88).

Os madridistas comemoram La Séptima.

A Juventus contava com grandes jogadores, como o maestro Zidane e Del Piero. O que oferecia muita elegância e qualidade de bola para os seus companheiros. Mas a defesa madridista estava sólida. Hierro fez uma boa partida. Raúl e Mijatović colocaram medo na defesa italiana e tiveram duas grandes chances de gol.

Ao longo do jogo o Real Madrid viu que era superior a Juventus e Mijatović fez o gol do título numa partida vibrante, aproveitando um dos poucos erros do adversário, dando o sétimo troféu da Champions League para o Real Madrid. Já na reta final do jogo, o goleiro Bodo Illgner, veterano, já no fim do seu ciclo no futebol, deu segurança à equipe.

Vídeo emocionante do 7° Título da UEFA Champions League.

Fernando Redondo.

Fernando Carlos Neri Redondo nasceu no dia 6 de julho de 1969, em Buenos Aires, Argentina. Criado em boa família, Redondo tinha um jeito elegante e clássico de jogar, uma postura de pouquíssimos jogadores. Infelizmente sofreu inúmeras lesões na carreira, mas isso não impediu que El Príncipe fizesse história no Real Madrid.

Um dos maiores volantes da história do clube merengue, Redondo jogou na equipe madridista de 1994 até 2000. Foram 165 partidas, das quais conseguiu marcar 4 gols. Em 6 anos de Real Madrid, conquistou 2 Ligas Espanholas, 2 Liga dos Campeões, 1 Supercopa da Espanha e 1 Mundial Interclubes. Além do respeito de todos.

Redondo, além de tudo, tinha um grande espírito de liderança.

Curiosidade: Depois que Redondo acertou com o Milan na Temporada 2000/2001, ele recomendou seu primo Santiago Solari para jogar em seu lugar. E não deu outra. Após a sua saída, Solari foi contratado e foi muito importante nas conquistas do Real Madrid. Já Redondo, em virtude de várias contusões, decidiu se aposentar em 2005.


Veja grandes momentos de Redondo com o Real Madrid neste vídeo imperdível.

A Pré-Temporada em reta final.

Em apenas dez dias começa a temporada. As equipes da primeira divisão espanhola estão fazendo um trabalho preparatório, bem como o Real Madrid, que já está mostrando o crescimento do conjunto nestas etapas de pré-temporada, seja com os resultados obtidos, a união do grupo, o bom clima e a entrega nos treinos. Os jogadores madridistas estão se sentindo cada vez mais confiantes.

Dando continuidade a preparação, o Real Madrid treinou bem mais uma vez, mesmo após a goleada em cima do Borussia Dortmund. Nos treinos em Valdebebas, Pellegrini conversou bastante com os seus jogadores, como vem fazendo desde que assumiu o cargo de treinador madridista. E está dando certo, os seus comandados estão assimilando cada vez melhor os seus comandos.

Raúl é o artilheiro do Real Madrid na pré-temporada com 4 gols.

A pré-temporada, em reta final, caminhou muito bem. E para terminar, o Real Madrid disputará o Troféu Santiago Bernabéu, no dia 24, contra o Rosenborg. Até aqui foram 22 gols marcados. Destaque para Raúl, autor de 4 gols e mais uma vez calando a boca dos críticos. Benzema, Cristiano, Robben e Higuaín seguem com 3 gols marcados cada um até aqui. O trabalho continua a todo vapor.

Borussia Dortmund 0-5 Real Madrid.

Na penúltima partida amistosa da pré-temporada, o Real Madrid encarou o Borussia Dortmund, na Alemanha, no estádio Signal Iduna Park. A partida foi realizada em comemoração ao centenário do clube alemão. E, além disso, serviu de homenagem ao zagueiro madridista Metzelder, que atuou em Dortmund entre 2000 e 2007.

O Signal Iduna Park, estádio construído para o Mundial de 1974 e remodelado em 2006, é um símbolo da cidade de Dortmund, assim como a equipe, que este ano, mais precisamente no dia 19 de dezembro, completa 100 anos de história. E o Real Madrid foi o convidado de honra para participar desta importante festa.

Pellegrini escalou o time assim: Casillas, Albiol, Pepe, Marcelo, Metzelder, Alonso, Lass, Granero, Kaká, Cristiano e Benzema.

Logo aos 2min, passe fantástico de Kaká e gol de Granero.



Aos 5min, falta em cima de Granero. Cristiano cobrou bem, mas o goleiro defendeu.

Após o gol, o time alemão partiu para cima e o jogo logo ficou bem pegado. Aos 12min, entrada duríssima em Pepe.

Aos 13min, falta em Marcelo após arrancada do brasileiro. Cristiano cobrou e o goleiro fez nova defesa.

Aos 18min, ataque do Borussia. Cruzamento na área, escanteio após cabeceio. Em seguida, falta para o time alemão. Casillas saiu mal, mas a bola foi para fora, por sorte.

Aos 22min, chute de fora da área do Borussia. Casillas fez boa defesa.

Aos 24min, mais uma saída ruim do goleiro madridista, mas a bola novamente foi para fora.

Aos 30min, cruzamento perigoso na área madridista, mas a bola saiu.

No minuto seguinte, Benzema roubou a bola, mas perdeu o gol de frente para o goleiro.

Aos 36min, bom lance do time alemão, mas Albiol salvou e rifou a bola.

Aos 39min, outro bom lance do Borussia, mas desta vez Casillas saiu bem e defendeu a bola.

No minuto seguinte, bom lance do Real Madrid, que terminou com Kaká chutando em cima do goleiro. No escanteio, o goleiro defendeu bem o cabeceio de Pepe.

O primeiro tempo terminou bem pegado, longe de parecer um jogo amistoso. Parecia jogo válido por algum torneio. Talvez os melhores 45 minutos do Real na pré-temporada.

No segundo tempo, Robben começou jogando. E logo aos 47min, o holandês pegou um rebote de fora da área e marcou um golaço. Um baita chute de primeira. 2 a 0 para o Real Madrid.



Aos 55min, vários ataques do Borussia, mas a defesa madridista estava atenta.

Aos 69min, Higuaín entrou no lugar de Benzema.

O Borussia, em várias tentativas de se infiltrar na área adversária, sempre parava na atenta zaga, em Casillas ou nos impedimentos.

Aos 72min, após lance de Kaká e Robben, Higuaín marcou o terceiro.



Aos 75min, pênalti em cima do Robben. Kaká bateu com categoria e marcou o seu primeiro gol pelo Real Madrid. 4 a 0.



Aos 76min, entraram Drenthe, Raúl e Garay. Saíram Marcelo, Kaká e Metzelder. Os madridistas foram bem aplaudidos, principalmente Metzelder.

Aos 81min, bom chute de Cristiano de fora da área, bem defendido pelo goleiro.

Aos 87min, outra boa cobrança de falta de Cristiano. A bola bateu no travessão.

Aos 89min, gol do capitão do Real Madrid. Raúl recebeu, correu mais que os zagueiros e bateu com categoria, sem chances para o goleiro. 5 a 0. Fechando o marcador com chave de ouro.



Destaque para a torcida presente, que gritou os 90 minutos, vibrou, comemorou, apoiou. Os torcedores que lotaram o estádio não pararam um só segundo, nem com os gols tomados. Foi uma festa a parte nas arquibancadas, muito bonito de se ver.

Foi o melhor jogo do Real Madrid na pré-temporada, por todos os fatores, desde os gols, a festa, torcida, entrega, etc. E se o primeiro tempo foi excelente, o segundo marcou o momento do primeiro gol de Kaká com o Real Madrid, que, assim como Cristiano, foi de pênalti. Além dos belos gols de Robben e Raúl.

O último amistoso do Real Madrid na pré-temporada será contra o Rosenborg, clube da Noruega, no dia 24, valendo o Troféu Santiago Bernabéu. A postagem sobre tal disputa que acontece todo ano antes do início das temporadas virá em breve.

Cristiano Ronaldo concorre a prêmio na UEFA.

A UEFA divulgou ontem a lista dos candidatos ao prêmio por posição nas competições européias da temporada 2008/2009, na qual, entre os atacantes, o madridista Cristiano Ronaldo está concorrendo, tendo como adversários Lionel Messi e Samuel Eto'o.

C. Ronaldo concorre ao prêmio pelas atuações no Manchester United 2008/2009.

Os prêmios serão apresentados no dia 27 de agosto, coincidindo com o sorteio para a primeira fase da próxima Liga dos Campeões. Um detalhe interessante sobre a lista dos melhores da europa na temporada passada é que nenhum brasileiro aparece nela.

Preparação para o jogo contra o B. Dortmund.

Após participar e vencer o amistoso em comemoração ao centenário da Real Sociedad, o Real Madrid irá participar também do amistoso em comemoração ao centenário do Borussia Dortmund, dia 19, na Alemanha, no estádio Signal Iduna Park. A partida também servirá como homenagem ao zagueiro e madridista Christoph Metzelder, que atuou em Dortmund entre 2000 e 2007.

Pellegrini comanda mais um treino com o grande elenco do Real Madrid.

Manuel Pellegrini comandou um treino hoje, com a novidade que Gago voltou a treinar normalmente, após a lesão que o afastou por alguns dias. Amanhã o chileno comandará outro treino, pela manhã e em seguida a equipe viajará para a Alemanha, aonde jogará o seu penúltimo amistoso antes do início da tão aguardada temporada.

O Borussia Dortmund completa 100 anos no dia 19 de dezembro.

Real Sociedad 0-2 Real Madrid.

Dando continuidade a pré-temporada, o Real Madrid enfrentou hoje a Real Sociedad, no estádio Anoeta. Em um jogo amistoso, o clube merengue foi o convidado de honra para participar da partida em comemoração ao centenário do adversário.

A novidade foi a presença de Xabi Alonso em campo. Xabi se formou como jogador na Real Sociedad. E a primeira partida do espanhol como jogador do Real Madrid, estando de volta a Espanha, foi contra o seu antigo clube. Foi um momento especial para o novo madridista.

A festa foi muito bonita. E o estádio estava lotado. Teve bandeiras, apresentações ao vivo, fotos do clube espalhados pelo estádio, balões azuis e brancos, com as cores da Real. Já o Real, entrou em campo de preto, pela primeira vez na pré-temporada.

Manuel Pellegrini escalou o time assim: Casillas; Torres (Arbeloa, 45’), Garay, Albiol, Drenthe, Guti (Pepe, 78’), Xabi Alonso (Sneijder, 77’), Cristiano Ronaldo (Robben, 67’), Kaká (Higuaín, 67’), Raúl (Granero, 67’) e Benzema.

O primeiro tempo foi morno, típico amistoso. Mas aos poucos o Real Madrid foi se encontrando e criando jogadas. Cristiano teve dois bons chutes, um de lance normal e outro de falta, mas ambos bem defendidos pelo goleiro. Kaká iniciou uma de suas arrancadas, mas Benzema perdeu o lance. Kaká, aliás, que teve um belo lance de toque de bola com Raúl e quase fez o gol.

Kaká e Raúl tiveram um bom lance juntos no 1°t que quase terminou em gol.

Alguns jogadores madridistas não estavam numa boa noite. Mas vale lembrar que a maioria jogou com as suas seleções e viajaram bastante. O resumo da etapa inicial foi: Sem pressão suficiente, bons lances isolados e um time que precisa trabalhar mais o coletivo e calibrar os chutes. Mas é uma natural lentidão de início de temporada. A Sociedad, até pelo valor do centenário, mostrou mais vontade, mesmo com menos qualidade técnica.

Mas como é de costume em amistosos do Real Madrid, o segundo tempo foi bem diferente. Logo no começo, Raúl se esforçou e quase ganhou a bola do goleiro. No lance seguinte, Cristiano cobrou outra boa falta e no rebote Benzema empurrou para as redes. 1 a 0 para o Real. Com o placar aberto, a Sociedad apertou a marcação e o jogo ficou mais pegado. Os dois times voltaram com mais vontade.



O jogo na segunda etapa ficou bom. Outro Real Madrid. Mas logo veio as substituições e a equipe mudou todo o esquema com Robben, Granero & cia. Foram 20 minutos iniciais de bastante qualidade. Daí para frente a equipe só administrou o resultado. Mas no último minuto, Sneijder cobrou uma falta perfeita e marcou o segundo gol do Real Madrid (sem comemorar) para fechar o jogo.



Para a Real Sociedad era um jogo de honra, pelo centenário. Para o Real Madrid, mais um amistoso da pré-temporada, que está acabando, visto que o time merengue jogará no dia 19 contra o Borussia Dortmund, na Alemanha e no dia 24 contra o Rosenborg, o último jogo antes de começar a temporada, que vale o Troféu Santiago Bernabéu (tal postagem virá após o jogo do dia 19).

Preparação para o jogo contra a Real Sociedad.

Manuel Pellegrini comandou mais um treino, desta vez visando o jogo amistoso contra a Real Sociedad, no sábado. 19 jogadores foram selecionados pelo chileno para o jogo de pré-temporada no Anoeta.

São eles: Casillas, Dudek; Albiol, Torres, Garay, Pepe, Arbeloa, Drenthe; Lass, Xabi, Guti, Granero, Robben, Sneijder, Kaká; Cristiano, Raúl, Higuaín e Benzema.

Não viajarão Nistelrooy e Diarra (que já treinam com o grupo), Van der Vaart, Gago, Ramos, Marcelo, Negredo, Adán e Metzelder.

A novidade é o encontro de Xabi Alonso com a sua antiga equipe, de onde ele começou. A sua estreia na Espanha com o Real Madrid será contra o time que o formou, que comemorará 100 anos de história.

Macedônia 2-3 Espanha.

O primeiro jogo da Espanha após ter conquistado o terceiro lugar na Copa das Confederações. Num jogo amistoso, os espanhóis enfrentaram a Macedônia, no estádio Rey Filipo II, na capital Skopje.

A partida comemorou o centenário do futebol na Macedônia, pequeno país balcânico de cerca de dois milhões de habitantes. O futebol espanhol é um dos mais famosos no local, já que as televisões locais transmitem as partidas da Primeira Divisão do país.

Quatro madridistas fizeram parte da delegação espanhola: Casillas, Albiol, Arbeloa e Xabi. Mas a parte bonita do espetáculo veio da equipe, pois todos os jogadores da Espanha, titulares e reservas, de luto, entraram em campo com a camisa de Dani Jarque e o número 21 nas costas, em homenagem proposta e anunciada pelo madridista Casillas. Jarque foi velado no novo estádio do Espanyol ontem. Uma linda e merecida homenagem ao eterno ídolo e capitão do Espanyol.

Todos os espanhóis vestindo a camisa de Dani Jarque, com o seu número 21.

E o jogo foi ótimo. O primeiro tempo acabou com 2 a 0 para a Macedônia, os dois gols de Pandev. Mas a Espanha voltou com tudo para o segundo tempo e em menos de 11 minutos conseguiu virar o jogo. Fernando Torres aos 6min, Piqué aos 9min e Riera aos 11min. Uma baita virada do time espanhol, que ainda está abalado com o falecimento de Dani, mas que conseguiu conquistar a vitória no dia da homenagem póstuma ao amigo. Veja os gols:



A partida amistosa antecede os jogos que os espanhóis terão com Bélgica e Estônia, pelas Eliminatórias da Copa de 2010.

Convocação e preparação dos madridistas.

Quatro madridistas estão concentrados com a Seleção espanhola para um amistoso contra a Macedônia, em Skopje, casa do adversário, na próxima quarta-feira. O técnico Vicente del Bosque comandou um treino hoje. Sérgio Ramos, ainda contundido, não foi chamado. Quem lá estão: Casillas, Albiol, Arbeloa e Xabi Alonso.

O principal assunto na apresentação dos jogadores da seleção espanhola, hoje, em um hotel de Madrid, foi o falecimento do jovem jogador Dani Jarque, capitão do Espanyol. Os madridistas também ficaram abalados e se pronunciaram a respeito. Casillas foi um deles:

- É uma pena que tenha ocorrido com um garoto muito jovem e um futuro maravilhoso, que deixa sua esposa em um momento muito complicado - disse o goleiro madridista. Lembrando que a esposa do zagueiro Dani, Jessica, espera um filho dele para setembro.

Enquanto a Seleção se prepara para o jogo amistoso, o Real Madrid volta aos treinamentos amanhã, já visando o jogo do final de semana, contra a Real Sociedad, jogo em comemoração ao centenário do clube, no estádio Anoeta.

Outros jogadores do Real Madrid também estão com as suas Seleções neste momento. Ao todo, são onze madridistas com suas respectivas Seleções. Além dos espanhóis, Benzema e Lass estão com a França, Kaká com o Brasil, Sneijder, Robben e Van der Vaart com a Holanda e Pepe com Portugal.

Cristiano Ronaldo está com febre, por causa de uma gripe comum. E Granero se machucou no último jogo. Mais baixas para o Real. Vamos torcer para que nenhum jogador madridista sofra algum problema nesta semana, pois são várias baixas neste mês de pré-temporada.

Cristiano e Kaká: A dupla mais cara do mundo.

Se cruzaram na FIFA...

Em seus antigos clubes...

Em suas seleções...

Num duelo particular...

E voltaram a se cruzar num avião.

Momentos diferentes e bem parecidos.

E agora estão juntos, no Real Madrid.

A dupla mais cara do mundo também é a dupla que mais vende camisas no Real Madrid. Sem números oficiais, mas levando em conta ao que se vende na loja oficial do clube, Cristiano e Kaká lideram as vendas de camisas da equipe merengue. O português, porém, é o que mais vende. A cada duas camisas vendidas de Kaká, três camisas são vendidas de Cristiano.

O próprio Kaká confessou que o momento agora é de Cristiano, que ele é o foco das atenções. Mas o brasileiro fez questão de dizer que, em todos os lugares que ele jogou, ele chegou sem ser o foco e conquistou com o tempo o foco principal com o seu trabalho. Kaká quer se tornar o príncipe de Madrid, assim como foi o príncipe de Milão, mas sabe que para isso precisa jogar muita bola (que ele tem).

Cristiano, por sua vez, já vai mais longe, quer se tornar o maior jogador de todos os tempos. Tarefa que pode parecer absurda, mas é o que ele quer. O português recebeu o carinho dos madridistas, vem melhorando a cada jogo e está concentrado. Pellegrini chegou a dizer que Cristiano é o primeiro a chegar nos treinos, que é um bom moço e normal, ou seja, um baita jogador e ótima pessoa, mas que é perseguido pela imprensa.

Se Cristiano e Kaká vão repetir as grandes temporadas que fizeram no Manchester e Milan, respectivamente, não se sabe. Mas eles estão caminhando juntos para isso, para voltarem ao topo, para voltarem a FIFA, mas dessa vez como amigos e vencedores do Real Madrid.

D.C. United 0-3 Real Madrid.

Sem Benzema e Lass, que deixaram a delegação ontem para se apresentarem a Seleção francesa, o Real Madrid encarou o D.C. United, em Washington, no estádio FedEx Field. Foi o primeiro jogo do Real Madrid na capital dos Estados Unidos. E o último amistoso na América do Norte antes de voltar para a Espanha.

Mais de 90 mil torcedores lotaram o estádio e viram o time escalado assim por Pellegrini: Casillas; Torres, Pepe, Albiol, Arbeloa; Xabi Alonso, Granero, Sneijder, Kaká; Cristiano Ronaldo e Higuaín. Antes da partida começar, um minuto de silêncio em homenagem ao falecimento de Dani Jarque, ídolo e capitão do Espanyol.

Mas o primeiro tempo foi fraco. Além do time estar diferente, o forte calor pode ter atrapalhado o desempenho dos atletas, que estão viajando bastante. Sem bons lances, sem gols, apenas um preparo para a equipe merengue, que está se conhecendo, já que muitos jogadores novos estão jogando. O melhor lance foi um pênalti não marcado em cima de Cristiano após lance de Kaká.

Porém, no segundo tempo, o Real Madrid melhorou. Raúl e Robben já começaram jogando e o ataque madridista começou a fluir. O holandês caiu pela direita e liberou Higuaín, que marcou dois gols. O argentino comemorou bastante, visto que estava se sentindo ameaçado na equipe. Já o Robben, que entrou muito bem, fez o terceiro gol, de cobertura. Depois disso, Pellegrini mudou quase o time todo e o Real administrou o resultado, como num jogo treino.



Foi um bom teste para o Madrid. E assim acaba a pré-temporada na América do Norte e o time dá continuidade ao trabalho preparatório na Espanha, aonde jogará contra a Real Sociedad. A postagem sobre a continuação da pré-temporada virá quando o Real voltar para casa.

Toronto FC 1-5 Real Madrid.

Na estréia de Kaká, Xabi Alonso, Albiol e Arbeloa, o Real Madrid venceu o seu primeiro amistoso na América do Norte, no estádio BMO Field, em Toronto, no Canadá. O público já tinha comparecido para ver o treino do Real ontem. E hoje, como não podia ser diferente, lotou o estádio com 22 mil pessoas, capacidade máxima.

Manuel Pellegrini escalou o time assim: Casillas; Arbeloa, Albiol, Metzelder, Drenthe; Lass, Guti, Kaká, Cristiano; Raúl e Benzema. Foi a primeira vez que Kaká e Cristiano (a dupla mais cara do mundo) jogaram juntos. E deu certo. Foi a melhor apresentação do Real Madrid na pré-temporada.

No primeiro tempo o time jogou muito bem, com passes rápidos, todos os jogadores voltando para marcar, pouquíssimas faltas... E logo saiu o gol, aos 7min, com Raúl, numa linda jogada individual. Depois Cristiano Ronaldo marcou o dele após bela jogada do português com o francês Benzema. E ainda saiu o terceiro, de novo Raúl. O capitão mostrou que ainda tem lugar no time titular e fez o terceiro, de cabeça, após cruzamento de Metzelder.

Kaká se movimentou bastante, teve um pênalti claro ao seu favor, mas o juíz não marcou. Benzema fez a festa no lado esquerdo do campo, tentando buscar a bola e partir para cima. Cristiano caiu pela esquerda também e fez boa dupla com o francês. Kaká, mais no meio, armou jogadas. Raúl voltou e correu, marcando dois merecidos gols. Lass, o xerifão. Guti deu passes importantes. E a parte defensiva, junto de Casillas, mostrou segurança.

Drenthe, Cristiano, Raúl e Benzema comemoram o segundo gol da equipe.

Já no segundo tempo entraram Dudek, Torres, Pepe, Garay, Granero, Xabi, Robben, Sneijder e Negredo. Este último construiu a jogada do quarto gol do Real Madrid assim que entrou, ao qual Benzema empurrou para as redes. O francês caiu para o lado direito no segundo tempo. E assim como no primeiro tempo, o Real teve outro pênalti não marcado pelo juíz. Mas o rendimento da equipe caiu. A parte defensiva mostrou insegurança com Dudek e Pepe (partida ruim do português) e o time acabou tomando um gol.

Mas o meio com Granero e Robben mostrou qualidade. O holandês fez o quinto gol do Real Madrid, com mais uma participação de Benzema. Torres usou a camisa número 2, que era de Salgado. Xabi teve uma estréia apagada. Negredo entrou muito bem e fez boa jogadas, uma boa alternativa no ataque merengue. Drenthe correu e mostrou raça do começo ao fim da partida.

0-1 Raul 13' / 0-2 Ronaldo 18' / 0-3 Raul 26' / 0-4 Benzema 66' / 1-4 Gala 75' / 1-5 Robben 85'

Foi um belo esboço do que virá na temporada. O time titular jogou pela primeira vez, agradou e agora enfrenta o D.C. United, no domingo, na primeira visita do clube aos Estados Unidos. Manuel Pellegrini está com um grande e talentoso elenco em mãos.

Real Madrid chega em Toronto, no Canadá.

A próxima etapa da pré-temporada do Real Madrid será na América do Norte. O clube merengue fará dois jogos amistosos, um no Canadá (contra o Toronto FC) no dia 7 e outro nos Estados Unidos (contra o D.C. United) no dia 9.

A novidade está na expectativa de que os internacionais Kaká, Albiol, Arbeloa e Xabi Alonso façam as suas estréias no novo time. A baixa está nas ausências de Sérgio Ramos, Marcelo, Gago, Nistelrooy e Diarra, todos com problemas físicos.

Ainda não vimos o Real Madrid completo em ação. Manuel Pellegrini testou vários times, mas o esboço do time principal começará a ser desenhado agora. Confira algumas fotos da chegada dos madridistas:

Xabi Alonso já está treinando com a equipe.

Xabi Alonso, o mais novo contratado do Real Madrid, já está treinando com a equipe. O espanhol foi aprovado nos exames médicos, já assinou o contrato e não perdeu tempo, já foi treinar com o elenco comandado por Pellegrini.

Os jogadores do Real Madrid receberam Xabi com muito carinho e entusiasmo. Xabi é a peça final que faltava no elenco, que agora está ''completo'' (só falta a saída de mais quatro jogadores para fechar o time).

O Real treinou hoje, treinará amanhã e no mesmo dia viajará para o Canadá. A postagem sobre isso virá quando a equipe pousar em Toronto. Confira a chegada de Xabi:

Real Madrid contrata Xabi Alonso.

O Real Madrid anunciou hoje a contratação do espanhol Xabi Alonso. O jogador chegará amanhã para fazer exames médicos e assinará logo em seguida. A equipe madridista pagou em torno de 30 milhões de Euros pelo passe do meio-campista/volante.

Xabi, que estava no Liverpool, enviou uma carta à diretoria do clube inglês pedindo que fosse negociado com o Real Madrid. E isso facilitou as negociações entre Real e Liverpool, pois era de vontade do jogador atuar no clube merengue.

Mais um espanhol que faz parte do elenco do Real Madrid. Além de ser titular da Seleção espanhola. O Real está investindo no que pode ser a melhor maneira de voltar ao topo, dando mais valor aos jogadores de seu país.

Seja bem-vindo, Xabi.

Míchel Salgado.

Após 10 temporadas servindo o Real Madrid, Miguel Ángel "Míchel" Salgado Fernández deixou o clube com 33 anos. Míchel sonhava em terminar a carreira no Real Madrid, mas não pôde realizar o seu último sonho. Salgado foi informado sobre a rescisão contratual e, de bom acordo entre as partes, El '2' deixou a equipe merengue.

O jogador, eterno madridista, foi indenizado em € 3 milhões (cerca de R$ 8 milhões), já que o contrato acabaria em meados de 2010.

O Real Madrid, em comunicado oficial, agradeceu todo o serviço prestado por M. Salgado nos 10 anos de clube, sendo um dos jogadores mais antigos do time em sua época e um dos três capitães, ao lado de Raúl e Guti. Além de ser conhecido por seu carisma e uma das pessoas mais animadas dentro do vestiário, que todos gostavam.

Pelo clube, Salgado conquistou 4 Campeonatos Espanhóis, 3 Supercopas da Espanha, 2 Liga dos Campeões da UEFA, 1 Supercopa Européia e 1 Copa Intercontinental.

Foram 253 jogos em que vestiu a camisa blanca e, além do apoio do lateral-direito em campo, conseguiu marcar 4 gols.

Salgado comemorando o seu 4° título do Campeonato Espanhol.

Durante todo o tempo em que esteve no clube, sempre demonstrou garra, força, paixão, um típico jogador que todo time deveria ter no seu elenco. Tinha as suas limitações técnicas, mas isso não impediu que jogasse ao lado de grandes jogadores e fizesse parte de grandes times. Sempre deu o sangue pelo Real Madrid.


Um vídeo homenagem de agradecimento.

Veja também a despedida final de Salgado diante da torcida madridista, no último jogo do Real Madrid na pré-temporada 2009/2010, contra o Rosenborg da Noruega. Clique aqui.

E a última e emocionante entrevista coletiva de Salgado aqui.

Obrigado por tudo e boa sorte na sua nova jornada, Míchel.

Santiago Bernabéu Yeste.

Santiago Bernabéu Yeste nasceu no dia 8 de Junho de 1895 em Almansa e faleceu no dia 2 de Junho de 1978 em Madrid. Foi jogador e presidente do Real Madrid.

Bernabéu jogou como atacante, de 1911 a 1928, conquistando uma Copa da Espanha com o Real Madrid.

Mas foi como presidente que ficou marcado, pois levou o Real Madrid ao topo do mundo. É até hoje o presidente mais importante do clube. Sob sua presidência, entre 1943 e 1978, Bernabéu conquistou 16 vezes a Liga espanhola, 6 vezes a Copa da Espanha, 6 vezes a Liga dos Campeões da Europa e 1 vez o Mundial Interclubes.

O estádio do Real Madrid foi batizado com o seu nome, em homenagem a tudo o que fez pelo clube, o Estádio Santiago Bernabéu.

Curiosidade: Bernabéu esteve na Guerra Civil Espanhola, foi voluntário do lado golpista/fascista.

Bernabéu jogador.

Bernabéu Presidente.

Popular Posts

Junte-se a nós!

Publicidade

Newsletter

+ Real Madrid:

Nome: Real Madrid Club de Fútbol.
Apelidos: merengues, blancos...
Fundação: 1902.
Estádio: Santiago Bernabéu.

Próxima Partida:

La Liga (13° Rodada):
Adversário: Valencia.
Dia: 19/11/11 (sábado).
Hora: 19:00 (horário de Brasília).
Estádio: Mestalla.
Jogo anterior: Osasuna (7-1).

Destaque 11/12:

Seja um seguidor:

Arquivo:

Marcadores:

Receba as novidades por e-mail:

Add to Google Reader or Homepage

Título:

Contas Premium

Rede Social: